Monument Valley – Puzzle, minimalismo e uma arte adorável

Se você gosta de puzzles, curte um estilo mais minimalista e tem apreço por games com uma arte incrível, hoje temos uma dica imperdível para você! Estamos falando sobre Monument Valley, simplesmente um dos mais belos games disponíveis para smartphones.

O Game

Monument Valley é um game do gênero puzzle lançado em 2014 pelo estúdio Ustwo, original de Londres (mas com escritórios em Nova York, Malmo e Sydney).

A premissa do game é simples: Você controla uma pequena princesa de nome Ida por diferentes estágios, com o objetivo de atingir o final de cada um e resgatar um fragmento misterioso.

Entretanto, a magia acontece por conta do aspecto estrutural de cada fase, onde a geometria, o ângulo e até mesmo a imaginação compõem a chave para descobrir a saída de cada estágio.

Jogabilidade

Detalhando mais sobre a experiência (curta, mas prazerosa) de jogar Monument Valley, a percepção “fora da caixa” definitivamente é o que te levará até o final de cada fase.

Felizmente, o jogo introduz suas mecânicas aos poucos, facilitando a compreensão e ao jogador a pegar o jeito certo de pensar dentro do game, especialmente porque as regras da física como a conhecemos não se aplicam para essa realidade.

Escadas se desdobram, prédios se deslocam e se conectam uns aos outros conforme o jogador rotaciona as estruturas, paredes podem se tornar plataformas comuns, e toda a questão do ângulo que as conecta faz com que a frase “depende do ponto de vista” se aplique literalmente para a jogabilidade.

Audiovisual

A grande beleza do game inegavelmente encontra-se em sua arte.

Tanto a questão gráfica, com cores, estágios incrivelmente criativos e belos, quanto os efeitos sonoros que os acompanham criam uma atmosfera que casa perfeitamente com cada situação que o jogador enfrenta.

E o trabalho extremamente detalhado pode ser notado em cada ponto do game. Por exemplo: Cada interação com o cenário é acompanhada de um som característico e muito bem-pensado, cada um dos seres do mundo em que Ida habita possui movimento, possui vida, possui interação com o todo, não apenas existem como também possuem carisma, personalidade.

História

Como o game é curtinho, a história não é ultra complexa, mas possui seus pontos altos.

Ida, a princesa silenciosa, embarca em uma jornada por perdão, e com o desenrolar dos capítulos, começamos a compreender seu verdadeiro papel, sua motivação e o que afinal é seu objetivo com tais fragmentos.

Apesar de curta, a história é suficiente para a jogabilidade, criando uma conexão com o jogador muito mais pela jornada do que pelo conteúdo em si.

Sequência

O game, megasucesso de 2014, acabou recebendo uma sequência ano passado. Monument Valley II possui uma nova história, baseada na relação entre mãe e filha, em como sentimos em relação aos que vieram antes de nós.

Com novos puzzles, diferentes mecânicas e muito mais desafios, a sequência do game segue sendo uma curta, mas belíssima experiência.

Conclusão

Monument Valley é uma franquia recente e muito bela, com o foco total na ambientação e experiências visuais, mais do que no desafio/lado puzzle. Apesar de serem curtos, os games possuem muito conteúdo, e são considerados experiências inesquecíveis de entretenimento mobile.

Mais sobre: android diversão ios