Streaming de games: conheça os principais serviços

Hoje todo mundo consome conteúdo online. Serviços de streaming já são muito populares para músicas, filmes, séries e até jogos de futebol, então era só questão de tempo para que chegassem aos videogames.

A preferência dos consumidores migrou de tal forma para o digital, que a TV por assinatura enfrenta uma queda forte e contínua no número de clientes.

Agora, com os avanços das redes 5G, o crescimento da Internet das Coisas (IoT) e os impactos da Transformação Digital, chega o momento ideal para a popularização do streaming de games.

Streaming de games: conheça os principais serviços - Mobizoo

Streaming de games: o que é?

Muito semelhante ao serviço de streaming da Netflix, Amazon Prime e Spotify, as gigantes do mundo digital, Google, Apple e Microsoft, anunciaram, recentemente, o desenvolvimento de plataformas de games online, concorrendo diretamente com a Sony e a Nintendo, empresas líderes globais do mercado. São elas a Stadia (Google), Apple Arcade (Apple) e Project XCloud (Microsoft).

As duas primeiras têm lançamento previsto até o final de 2019 nos Estados Unidos e Europa, enquanto a Project XCloud ainda não tem uma data definida para chegar ao mercado. A criação desses serviços permitirá a gamers de todo o mundo jogar seus games favoritos sem a necessidade de um console, podendo acessar os jogos por meio de aparelhos celulares, tablets, computadores ou diretamente em TVs e para isso basta ter acesso à internet. A novidade promete mudar para sempre a forma de consumir jogos.

Google, Apple e Microsoft entram na era do streaming de games

Apesar da semelhança do serviço final, cada plataforma de games por streaming terá suas particularidades. Confira:

Streaming de jogos: Google Stadia

Google Stadia

O streaming de games do Google, denominado de Stadia não terá um console. Será uma plataforma virtual habilitando o funcionamento de games em aparelhos como computadores, notebooks, celulares, tablets e TVs, em qualquer sistema operacional. Para utilizar, bastará uma conexão à internet. Em eventos da companhia já foram demonstrados alguns jogos rodados na plataforma, como o Assassin’s Creed Odyssey e DOOM Eternal. E para a alegria dos gamers de plantão, o Google anunciou que está trabalhando com mais de 100 estúdios, de todo o mundo, para que os principais títulos estejam disponíveis na plataforma.

O Stadia terá funções como compartilhamento de streaming e de progresso de jogos entre os gamers. Além disso, a plataforma funcionará com um controle oficial, vendido separadamente, que se conectará ao serviço por meio do Wi-Fi. Vale ressaltar que a promessa do Google é de que joysticks de Xbox One ou PS4 também possam se conectar ao Stadia, desde que funcionem de maneira nativa – como em computadores. O Stadia nasceu do Project Stream, serviço experimental de streaming de jogos desenvolvido pelo Google, em 2018. O Google ainda não revelou valores de acesso à plataforma.

Streaming de jogos: Apple Arcade

Apple Arcade

Logo após o anúncio do Stadia, a Apple, uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, anunciou o desenvolvimento do Apple Arcade, outro serviço de streaming de games que chegará ao mercado ainda neste ano, funcionando em dispositivos da companhia como iPhone, iPad, computadores Mac e Apple TV. A Apple pretende disponibilizar mais de 100 jogos totalmente exclusivos em sua plataforma online, desenvolvidos por empresas como SEGA, Disney, Konami, LEGO, Annapurna, Cartoon Network, Chucklefish, Sumo Digital, Finji, Bossa, entre outras.

Alguns dos títulos já anunciados pela companhia são: Sonic Racing, LEGO Brawls, OceanHorn 2: Knights of the Lost Realm, Mr. Turtle, Little Orpheus, Hot Lava, Sayonara Wild Hearts, Box Project, Frogger in Toy Town, The Pathless, etc. A Apple Arcade poderá ser acessada por meio da App Store, disponível via assinatura. Ainda não há preço confirmado para o serviço.

Streaming de jogos: Project XCloud

Project xCloud

Apesar de já ter tido seu desenvolvimento anunciado ao mercado de games, o Project xCloud da Microsoft ainda está em fase de protótipo. Mesmo assim, a companhia espera realizar seu lançamento ainda em 2019, trazendo games de PC e Xbox One para dispositivos celulares.

Em março desse ano, a Microsoft realizou uma apresentação online demonstrando o jogo Forza Horizon 4, rodado em um dispositivo Android com o auxílio de um controle que foi conectado via Bluetooth. Os jogos irão rodar a partir de servidores da Microsoft destinados a isso, e transmitidos para celulares por meio da plataforma de streaming.

A ideia é que tudo funcione sem latência (problema de lentidão entre as transmissões do servidor para o dispositivo). Para quem não tem o controle do Xbox One, o aplicativo poderá ser utilizado também por meio de controles virtuais.

Twich

O anúncio de novos jogos mexe com os gamers de todo mundo que ficam ansiosos por conhecer as novidades e imediatamente correm para os sites e canais especializados em analisar este setor de entretenimento.

O Twitch é um aplicativo de streaming de vídeo lançado em 2011 para resolver a angústia dos jogadores mais afobados. Voltado principalmente para a transmissão de competições online e offline, com ele é possível acompanhar e apreciar a jogatina em tempo real.

Originalmente os principais streams eram de competições de esports, como League of Legends e Hearthstone, mas nos últimos anos vem acontecendo transmissões de outras competições como poker, por exemplo.

Em 2018, a audiência dos vídeos ao vivo e transmissão de torneios da Twitch TV bateu recordes: 1 milhão de pessoas estão conectadas à Twitch assistindo a 434 bilhões de minutos em transmissões. Foram mais de três milhões de streamers ativos mensalmente e 500 mil fazendo transmissões diariamente.

Expectativa de mercado

Segundo dados do jornal Financial Times, anualmente, o mercado de games vem movimentando cerca de US$ 135 bilhões de dólares nos últimos anos. Agora, com a chegada do serviço de streaming para jogos, a expectativa é de que esse nicho avance ainda mais. Apesar de ainda não ter uma previsão de data para chegada do serviço no Brasil, os gamers de todo o país já estão ansiosos pela nova tecnologia que promete revolucionar essa indústria.