Como bloquear ligações de telemarketing (2019)

Depois de anos de sofrimento, finalmente o consumidor pode bloquear completamente as irritantes ligações de telemarketing em seu celular.

O bloqueio já podia ser feio através do PROCON em várias cidades, mas agora há um novo canal voltado para as operadoras de telecomunicações: o cadastro “Não me Perturbe” da ANATEL.

Neste artigo você vai entender porque esses serviços surgiram, como eles funcionam, e principalmente; vai aprender como utilizá-los. Vem comigo!

Como bloquear ligações de telemarketing (2019) - Mobizoo

Ligações indesejadas: o monstro que precisava ser controlado

Desde 2014 a Anatel já regula as mensagens de cunho publicitário enviadas por SMS. No entanto, com esta proibição, e talvez por isso também, nos últimos anos o número de ligações indesejadas só tem aumentado.

Segundo dados levantados pelo Reclame AQUI Notícias, que considerou apenas as categorias: bancos, financeiras, tv por assinatura, telefonia, cartões de crédito, recuperadora de crédito e reabilitação de crédito, desde 2015 até 2018, mais de 11,9 mil reclamações sobre o assunto foram registradas em sua plataforma. Já em 2019, nos últimos seis meses, foram relatadas 2.194 queixas. Confira os números logo abaixo:

Outros dados recentes, mas desta vez da própria ANATEL e considerando apenas as prestadoras de telefonia, têm demonstrado que há um número crescente de queixas dos consumidores sobre as ligações de telemarketing. Desde de 2016 até maio deste ano já foram registradas pela agência mais de 86.000 chamadas deste tipo.

Confira o ranking das prestadoras “campeãs” de reclamações de ligações indesejadas listadas pela agência, que compreende o período de janeiro de 2016 a junho de 2019:

Prestadora – Total de reclamações

  1. Claro/NET – 28.546
  2. Telefônica/Vivo – 22.333
  3. OI – 18.073
  4. TIM – 9.220
  5. Outros – 4.340
  6. Sky – 2.741
  7. Nextel – 1.078
  8. Algar – 150
  9. Sercomtel – 12

Total – 86.493

“Não Me Perturbe”: o basta da ANATEL

Para conter esse monstro, a ANATEL lançou esta semana o sistema nacional de bloqueio de telemarketing de telecomunicações, o “Não Me Perturbe”, que tem como objetivo impedir as chamadas indesejadas de serviços de telefonia, TV por assinatura e internet.

O consumidor que cadastrar seu número nesta lista não poderá mais receber ligações de telemarketing das empresas Claro/Net, Nextel, Oi, Sky, TIM, Vivo, Algar e Sercomtel.

O bloqueio incluirá também as chamadas realizadas por robôs (discadores automáticos) e também as chamadas mudas, que nada mais são do que falhas nesses sistema automatizados.

As prestadoras que descumprirem a regra poderão ser advertidas ou penalizadas. Além disso, multas de até R$ 50 milhões poderão ser aplicadas.

A agência está acompanhando a implantação do sistema para que o bloqueio seja realizado o mais rápido possível, ou seja, logo após a inclusão do número na lista. No entanto, por enquanto, o prazo para o bloqueio a chamadas é de 30 dias após a solicitação do cliente.

Como cadastrar seu número na lista “Não me perturbe” da ANATEL

Para bloquear ligações de telemarketing feitas pelas operadoras de telecomunicações, acesse a página naomeperturbe.com.br da ANATEL, e clique no botão “Cadastro“.

Como cadastrar número no Não Me Perturbe da ANATEL: passo 1

Na tela seguinte, clique em “Solicitar Bloqueio”.

Como cadastrar número no Não Me Perturbe da ANATEL: passo 2

Agora clique em “Criar um login“.

Como cadastrar número no Não Me Perturbe da ANATEL: passo 3

E finalmente, informe os seus dados para efetuar o cadastro: nome completo, CPF e e-mail, além de login e senha para acesso.

Como cadastrar número no Não Me Perturbe da ANATEL: passo 4

Após fazer sua inscrição, você receberá um email com uma senha que será utilizada para incluir ou excluir o números dos telefones. Além disso, o consumidor poderá também habilitar ou desabilitar as chamadas, escolhendo, por empresas.

Como bloquear telemarketing pelo PROCON

Além do novo sistema da ANATEL, o consumidor também pode usar os sites do PROCON para bloquear ligações de telemarketing. Este bloqueio não é restrito apenas às empresas de telecomunicação, porém, infelizmente, só está disponível para algumas cidades.

No PROCON de São Paulo, por exemplo, uma empresa denunciada por desrespeitar o cadastro pode ser multada em até R$ 9,7 milhões. Além disso, no site da entidade, está disponível um ranking com os principais “perturbadores”.

Portanto, se o consumidor deseja bloquear qualquer tipo de chamada de telemarketing, de qualquer setor, pode entrar na página do PROCON de seu estado (clicando sobre o nome) e inscrever seu número de telefone (fixo e móvel).

Confira a lista completa:

Você já exerceu o seu direito de bloquear as ligações de telemarketing indesejadas? Deixe sua resposta nos comentários!

Imagem de capa: rawpixel

Mais sobre: segurança