Qual é a melhor Smart TV 4K para comprar em 2019?

Quando foi a última vez que você comprou uma nova TV? Se essa compra foi de um televisor com resolução Full HD, ou que não tinha um sistema de Smart TV, certamente seu próximo investimento será um pouco mais ousado. Ou melhor, atualizado.

Sim, chegou a hora de apostar nas TVs com resolução 4K e que tenham bons sistemas operacionais. Para te ajudar, preparamos um guia de compras com as melhores indicações para o seu bolso e algumas dicas extras para você conhecer e entender melhor os benefícios de uma Smart TV 4K.

Por que comprar uma TV 4K?

Se você vai comprar uma TV nova, é mais interessante comprar logo uma 4K e não uma Full HD, já que um televisor é um bem durável que ultrapassa tranquilamente os 10 anos de vida útil, e você não vai querer que ele fique obsoleto logo nos primeiros anos. Certo?

Mesmo que você não tenha acesso à transmissão de TV em qualidade 4K, já pode usufruir da tecnologia na Netflix e em outros serviços de streaming, e também em games para PS4 e Xbox One.

E tem mais: muitos modelos de TV 4K fazem upscaling de conteúdos Full HD, gerando imagens com qualidade muito superior.

Como escolher a melhor Smart TV 4K?

Antes de falarmos dos modelos, você deve saber quais são as informações mais importantes para pesquisar na hora da compra. Uma espécie de checklist para não cair na lábia de vendedor. Vamos à elas:

  • Cada Smart TV 4K roda um sistema operacional diferente, e muitos deles são bem ruins. Por isso, vá numa loja e teste a navegação pelos menus de cada modelo para descobrir se eles são lentos, engasgam muito ou até travam. TVs com Android TV, TIZEN ou WebOS costumam apresentar desempenho superior, e ainda recebem mais atualizações por mais tempo;
  • Fuja das telas curvas! Nas lojas elas podem parecer muito bonitas e futuristas, mas no dia a dia são um verdadeiro equívoco. Elas não ficam bem quando fixadas na parede, distorcem as imagens, e ainda possuem ângulos de visão bem limitados (quem fica no canto do sofá se ferra);
  • Os painéis OLED são os melhores em termos de cor e contraste, mas obviamente são bem mais caros;
  • A frequência de varredura das imagens é importantíssima, principalmente para assistir esportes, onde há movimentação muito rápida de câmera. As TVs mais baratas costumam ter frequência nativa de 60Hz (o que não é bom para futebol), enquanto as mais caras têm 120Hz, e até 240Hz nos modelos mais premium. E atenção: é fundamental que a frequência seja nativa, e não emulada virtualmente pelo sistema da TV;
  • Os painéis LED são divididos em 2 tipos: RGBW e RGB. O RGBW (red, green, blue, white) possui pixels brancos que deixam os objetos menos definidos, as cores mais lavadas, e o contraste inferior, especialmente quando a imagem é vista de lado. O RGB possui somente as três cores base (red, green, blue), e por isso apresenta qualidade superior em todos estes quesitos;
Smart TV 4K: comparativo de telas LED RGB e RGBW
O padrão RGBW foi desenvolvido para gerar imagens mais brilhantes no HDR dos painéis OLED (onde apresenta bons resultados), mas acabou sendo aplicado também nos painéis LED, com a justificativa de economizar mais energia. No final das contas, com essa queda de qualidade, a resolução dos painéis LED RGBW acaba sendo de 2.8k, e não de 4K como é anunciado.
  • QLED não é OLED: para concorrer com o OLED, a Samsung desenvolveu o painel QLED, que nada mais é do que uma evolução do LCD, mas sem um painel de retroiluminação por trás. Os pixels dessa tecnologia são iluminados separadamente por um filtro composto por pontos quânticos que formam cristais microscópicos que absorvem luz e a reemite em intensidades diferentes. Pelo fato dessa organização de pixels e luz acontecer de forma coordenada, o painel OLED ganha em nível de cores, brilho e nitidez, mas fica um pouco atrás do OLED em intensidade de contraste e nível de preto;
  • NanoCell é uma alternativa ao QLED, um LCD reformulado com ‘jeito’ de OLED. Essa tecnologia substitui o uso dos pontos quânticos do QLED pelo nanocristal, que são menores e absorvem ainda mais luz. Outro diferencial desse padrão é o uso do Full Array Local Dimming que deixa de iluminar pixels em colunas e faz por regiões. O objetivo aqui é entregar preto mais intenso, melhor ângulo de visão e brilho acentuado.

Bom, agora que você já sabe o que verificar na hora de escolher sua próxima Smart TV 4K, vamos aos modelos mais recomendados.

Pesquisamos por relatos de compradores em grupos e fóruns da Internet, avaliações feitas em lojas online, e claro, aproveitamos para compartilhar algumas experiências pessoais que tivemos com algumas dessas opções.

Melhor smart TV 4K baixo custo – Samsung RU7100

A partir de R$ 1.400, a Samsung RU7100 chega para servir os orçamentos mais modestos com um pacote bem generoso de recursos e qualidade acima da média. Essa Smart TV roda a versão mais recente do Tizen OS que traz algumas tecnologias e funções importantes, como o suporte ao Apple AirPlay 2, que permite espelhar a tela de Macs, iPhones e iPads na TV, aplicativo do Apple TV+ e do iTunes para aluguel de filmes e shows.

O painel do tipo VA entrega brilho e qualidade de imagens dentro da média e com bons ângulos de visão que é reforçado pelo HDR Premium. Outro diferencial da Samsung é o controle remoto único, que nada mais é do que um controle compacto e universal que funciona em TVs de outras marcas, tem navegação intuitiva e botões com atalhos a serviços e ao assistente de voz.

Samsung RU7100: a melhor Smart TV 4K de baixo custo

Em termos de qualidade de construção, a RU7100 entrega design relativamente fino e visual minimalista que tem como ponto forte ranhuras na traseira que escondem fios e organizam cabos para que eles possam passar despercebidos entre a base da TV e suas conexões.

Nos contras, a RU7100 fica devendo um sistema de som mais potente e suporte ao Wi-Fi de 5GHz que é mais estável.

Melhor smart TV 4K custo/benefício – LG NanoCell 55SM8100

Custando R$ 2.500 aproximadamente, a Smart TV de 55 polegadas da LG abre as portas do mundo NanoCell para quem deseja se aproximar da experiência proporcionada pelo LCD com ‘jeito de OLED’.

O display entrega níveis de pretos mais profundos, melhor definição e cores mais vívidas. Outro bônus com relação a qualidade de imagem é o HDR10 que é superior ao HDR Premium.

A qualidade de áudio é melhor que o televisor da Samsung, mais ainda sim estamos falando de um sistema de canais 2.0, com Surround, DTS Virtual: X E 20W de potência. Com relação ao software, a LG oferece o WebOS que é considerado como o melhor sistema operacional para Smart TVs do mercado.

LG NanoCell 55SM8100: a melhor Smart TV 4K no custo-benefício

O sistema traz todos os recursos que a Samsung RU7100 oferece somado a integração com a Amazon Alexa, a Siri e o Google Assistente.

Logo, através de um smartphone Android, iOS ou outros dispositivos inteligentes, como o Nest Mini e Echo Dot, por exemplo, é possível controlar a TV e até mesmo ambientes da casa (produtos de Smart Home, como por exemplo, luzes, tomadas e câmeras inteligentes) usando comandos de voz e ações inteligentes.

Por fim, apesar de não trazer um design tão minimalista como a Samsung RU7100, a LG 55SM8100 vem com o já famoso Smart Magic, um controle remoto que funciona como uma espécie de mouse que exibe um ponteiro de controle na TV.

Dica: para saber as especificações técnicas exatas do modelo que você está pensando em comprar, consulte o manual do usuário, disponível em PDF no site de cada fabricante.

Smart TV 4K top de linha – LG OLED55B9

Se você tem até R$ 5.000 para investir em uma Smart TV 4K, pode comprar a OLED55B9, da lG, de olhos fechados. Se trata de uma TV que ostenta um painel OLED, que nada mais é do que o supra sumo das telas. Espere por contraste e brilho intensos, cores vibrantes e um preto verdadeiramente profundo.

É claro que a OLED55B9 é mais que um ‘rostinho bonito’, oferecendo processador topo de linha para processar informações de inteligência artificial que são capazes de identificar cenários e otimizar a reprodução de imagens.

Falando em imagens, a TV OLED vem com Dolby Vision e Atmos, que são tecnologias de imagem e áudio, respectivamente, superiores ao HDR10 e ao DTS Virtual: X.

LG OLED55B9: a melhor Smart TV 4K top de linha

No áudio, canais 2.1 e potência de 40W tornam o conteúdo ainda mais imersivo e realista, que é complementado com a tela que tem alcance de 120Hz de frequência, capaz de reproduzir movimentos em filmes de ação e jogos de futebol e videogames, por exemplo, com mais realismo.

O WebOS traz todos os recursos que mencionamos na NanoCell 55SM8100 e alguns extras, como a opção de calibrar cores por canal (branco, verde, azul, vermelho e preto) ou usar o processamento de IA para controlar automaticamente o áudio e o vídeo.

Melhor smart TV 4K Premium – Sony XBR-55A8F

Orçamentos mais generosos – ou infinitos – merecem a Sony A8F com tela OLED. A única TV da nossa seleção com sistema Android TV de fábrica, que conta com um ecossistema completo de aplicativos e jogos.

Todas as tecnologias de vídeo e áudio mais recentes da Dolby estão presentes neste televisor, como o Dolby Vision, Audio e Audio Plus.

O painel OLED é gerenciado pela tecnologia Triluminos, que oferece um mapeamento de cor que leva em conta vários aspectos, como a iluminação do seu ambiente ou o gênero do filmes que está sendo reproduzido, por exemplo, otimizando a paleta de cores para entregar a coloração ideal. Aliás, a Sony desenvolveu um processador específico para gerenciar aspectos distintos da imagem.

Sony XBR-55A8F: e melhor das melhores

Quem faz o processamento da nitidez é o X-Reality Pro; o Motionflow rastreia movimentos para regular a frequência da TV automaticamente (entre 60Hz, 110Hz e 120Hz), enquanto o HDR X1 Extreme e o Object-based HDR remaster cuidam do processamento da imagem e do HDR. É um sistema de hardware pensado para atingir a perfeição, ou algo próximo disso.

Em termos de áudio, além de tecnologias sofisticadas, a XBR-55A8F traz potência de 50W e uma tecnologia chamada Acoustic Surface, que reproduz o mesmo som dos alto-falantes físicos na tela da TV. Isso mesmo, o som sai da tela da TV formando um sistema bidirecional que tenta abranger todo o ambiente criando uma sensação real de áudio surround.

É claro que toda essa beleza tem um custo: aproximadamente R$ 6.999 na versão de 55 polegadas.

Qual Smart TV 4K da nossa lista é a sua escolhida? Conta aí nos comentários!

Mais sobre: compras lg samsung sony