Crise na LeEco: celulares da marca têm futuro incerto

A LeTV é uma das maiores fabricantes de televisores da China, e vinha tendo sucesso também no mercado de smartphones com sua “submarca” LeEco (tipo Positivo e Quantum). Tudo ia bem até que em 2016 a empresa resolveu expandir seus negócios para o mercado americano.

Jia Yueting, fundador da empresa, apostou numa estratégia megalomaníaca de expansão para os EUA, com o objetivo de montar um ecossistema de produtos tecnológicos que derrubaria numa só tacada Apple, Tesla, Amazon e Netflix. Ah tá!

Para isso, ele comprou a americana VIZIO por 2 bilhões de dólares, e montou uma nova sede na Califórnia, do ladinho da Apple, num prédio que já pertenceu ao Yahoo.

Obviamente, as coisas não se saíram como ele queria, e hoje a empresa vive numa crise sem precedentes, com dívidas gigantescas e futuro incerto.

Crise na LeEco - Mobizoo

Tombo da LeEco foi tão grande que até o governo da China teve que se mexer

Como já era de se esperar, os smartphones, TVs e até carros elétricos da LeEco não fizeram muito sucesso na terra do iPhone, e a empresa teve que colocar o rabinho entre as pernas e sair de fininho, antes que as coisas piorassem.

O negócio foi tão feio, que o governo da China teve que mudar suas leis regulatórias para que esse tipo de coisa não acontecesse novamente. Se quiser saber mais detalhes desse quiproquó, leia a cobertura completa feita pela CNBC.

A situação da empresa hoje é um grande mistério, com nenhum anúncio ou lançamento feito nos últimos meses.

LeEco Le Pro 3 AI Edition

O LeEco Le Pro 3 AI Edition foi o último celular lançado pela empresa em abril deste ano, e mesmo trazendo câmera dupla, bom hardware e até uma assistente pessoal de nome fofo (“Lele”), infelizmente caiu no esquecimento.

Além disso, ainda é possível achar os modelos antigos, como o LeEco Le S3, à venda por preços bem atraentes em lojas chinesas famosas como a GearBest e a Tomtop, mas sem nenhuma garantia de que os modelos continuarão recebendo suporte ou atualizações da fabricante.

Como nós sempre divulgamos ofertas de celulares LeEco por aqui, nos sentimos na obrigação de alertar nossos leitores sobre o futuro incerto da marca.

De qualquer maneira eles continuam sendo aparelhos com ótimo custo-benefício, e claro, se você tiver algum problema, a loja se responsabilizará pela troca.

Vamos continuar acompanhando a situação da empresa, e traremos novidades assim que elas surgirem.

Mais sobre: importação

Apoie o conteúdo que você ama!

Desative o seu bloqueador de anúncios e nos ajude a manter o site :)