Samsung Galaxy M52 5G é bom? Vale a pena? [Review]

O Samsung Galaxy M52 5G foi o último intermediário lançado pela marca em 2021, e ele chegou literalmente “metendo o pé na porta”, equipado com o potente processador Snapdragon 778G, tela Super AMOLED Plus de 120 Hz e suporte ao 5G, tudo isso custando apenas R$ 1.349 na última Black Friday.

Por esse valor ele parecia bom demais para ser verdade, e por isso eu resolvi comprá-lo para tirar a prova.

Neste review eu conto como foi a minha experiência, e revelo se o smartphone realmente vale a pena.

Tá com muita pressa? Então confira abaixo a minha lista de prós e contras, ou vá direto para:

Prós e contras

Prós

  • Desempenho excepcional para jogos e tarefas do dia a dia;
  • Tela com muito brilho e ótima fluidez;
  • Pronto para o 5G;
  • Design elegante, fino e leve;
  • Boas câmeras;
  • Bom som;
  • Bateria com boa duração.

Contras

  • Construção simples e frágil;
  • Carregador que vem na caixa não é dos mais rápidos.
Samsung Galaxy M52 5G é bom? Vale a pena? [Review]

Design e tela

Se você busca um smartphone fino, leve, e elegante, o Samsung Galaxy M52 5G é uma ótima escolha (são apenas 7,4 mm de espessura), porém é importante ressaltar que estamos falando de um aparelho de construção simples.

Tanto o chassi quanto a traseira são de plástico, mas pelo menos o vidro frontal parece ser de boa qualidade, com resistência a riscos e tratamento oleofóbico (mesmo sem ter a “grife” Gorilla Glass confirmada pela fabricante), e a disposição do leitor de impressão digital na lateral é bastante prática e eficiente.

A tampa traseira possui tratamento que simula vidro e discretas linhas verticais que ajudam a disfarçar marcas de dedo, e o módulo vertical da câmera tripla é mais agradável aos olhos que os quadrados estilo cooktop que vemos em outros modelos da linha.

Há um pequeno relevo nesse módulo, mas ele pode ser facilmente neutralizado com uma capa.

Samsung Galaxy M52 5G - Lateral

As bordas em torno da tela de 6,7 polegadas são bem pequenas, e a qualidade do painel Super AMOLED Plus é um dos grandes destaques do modelo.

O display possui 120 Hz de taxa de atualização – o que garante fluidez excepcional na navegação pelo sistema e apps –, e ainda traz a tecnologia de contraste dinâmico, que melhora bastante a visualização ao ar livre, dando um verdadeiro boost de brilho quando é necessário.

Obviamente, temos aqui todas as vantagens da tecnologia OLED; com cores vibrantes, preto absoluto e amplo ângulo de visão, além de uma calibração de branco impecável, que resulta numa experiência de uso realmente nota 10.

Samsung Galaxy M52 5G é bom? Vale a pena? [Review]

Apesar de tantos elogios ao painel, é importante deixar aqui um alerta: a minha unidade veio com burn in gerado pelo Always On Display, e eu já solicitei a troca para saber se foi um problema pontual, ou um vício do display. Assim que souber eu atualizo o review com a informação.

Ah, e antes de encerrar esse quesito, é importante reforçar: por se tratar de um aparelho frágil, é extremamente recomendável a aquisição de uma boa capa, ainda mais que a Samsung não fez o favor de colocar uma na caixa (é hora do upgrade, minha querida!).

Unboxing

Confira os detalhes no nosso unboxing:

Câmeras

Na câmera traseira principal, o Samsung Galaxy M52 5G conta com um sensor ISOCELL GW3 de 64 MP da própria Samsung, que traz como grande diferencial a tecnologia Tetra Pixel, uma evolução da Dual Pixel usada para captar mais luz.

Esta tecnologia, aliada à abertura f/1.8 da lente e ao pós-processamento competente do Snapdragon 778G, garante fotos com excelente alcance dinâmico e ótimo nível de detalhes, mesmo em situações mais desafiadoras, como você vai ver nos exemplos a seguir.

Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G

Os 64 MP da câmera principal permitem que você tire uma foto com zoom de 2x mantendo bom nível de definição (abaixo), e o acesso simplificado na interface do app facilita bastante o trabalho (ultrawide > normal > zoom).

Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G

O foco automático PDAF do M52 é muito competente para capturar detalhes no primeiro plano das cenas, e a distância focal da lente é tão boa, que você nem precisa ativar o Modo Retrato para conseguir fundos desfocados.

Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G

Na lente ultrawide os resultados também são bons, porém ficam abaixo do que vemos na principal, com perda geral de definição, HDR um pouco inferior, e algumas distorções nas extremidades.

Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G

A câmera macro entrega fotos muito bacanas para esta faixa de preço, e o que mais me impressionou foi a velocidade do foco, rápido o suficiente para pegar os detalhes de um inseto em movimento.

Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G

Na câmera frontal, o Galaxy M52 5G conta com o excelente sensor Sony IMX616 de 32 MP, que combinado ao bom pós-processamento de imagem do Snapdragon 778G, resulta em selfies espetaculares em ambientes de boa luz.

Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G

O nível de detalhes é altíssimo, e como eu não ativei o embelezamento, dá para ver na foto acima que meu rosto estava precisando de hidratação (já resolvi isso).

Como aqui não temos duas lentes frontais como no Moto G100, o recorte entre planos do Modo Retrato não é tão preciso, mas mesmo assim o resultado agrada, apresentando cores vivas, HDR equilibrado e ótima definição.

Teste de câmera - Samsung Galaxy M52 5G

Resumindo; o conjunto de câmeras do Galaxy M52 5G é muito bom, e certamente vai agradar quem busca um bom celular para fotos.

Para ver as fotos deste review em tamanho original, acesse o Google Drive do Mobizoo.

Teste de desempenho [vídeo]

A Samsung acertou em cheio ao colocar o processador Snapdragon 778G no Galaxy M52.

Como você viu no item anterior, isso fez a diferença na captura de fotos, mas também é o grande trunfo no desempenho do modelo.

Construído em apenas 6 nanômetros, o chip é eficiente no consumo de energia, está acima da média na performance com games, e ainda oferece conectividade de ponta, com 5G, WiFi 6, Bluetooth 5.2 disponíveis para o usuário.

Além disso, a Samsung colocou no modelo a tecnologia RAM Plus, que amplia a memória RAM do aparelho quando o sistema identifica alguma necessidade, melhorando a experiência multitarefa com até 4 GB extras.

Confira nosso teste:

Pontuação no teste Antutu Benchmark

Samsung Galaxy M52 5G - Pontuação no teste Antutu Benchmark

Bateria

Apesar de fino e leve, o Galaxy M52 possui uma bateria de 5000 mAh que entregou boa autonomia durante as minhas semanas de uso.

Ele fica mais de 1 dia inteiro longe da tomada com tranquilidade, mesmo com a tela em 120 Hz o tempo todo, e dá até pra arriscar 2 dias, se você exigir pouco do aparelho. O tempo de tela ativa fica na casa das 6 horas (um pouco mais, um pouco menos, dependendo do uso), e no geral o aparelho não esquenta muito nos momentos em que é mais exigido (jogos e câmera).

É uma pena que a Samsung tenha colocado um carregador de apenas 15W na caixa modelo – enquanto Xiaomi e Realme mandam acessórios com o dobro de potência –, mas pelo menos o modelo é compatível com o carregador de 25W da Samsung, que não é tão caro e vai acelerar um bocado o carregamento.

Com o carregador que vem na caixa são aproximadamente 2 horas para ir de 10 a 100%, e com o de 25W que eu peguei emprestado de outro Samsung, esse tempo caiu para aproximadamente 1 hora.

Áudio

Apesar de não ser estéreo, o alto falante do Galaxy M52 5G oferece uma boa experiência sonora, com graves presentes e volume generoso, mas é importante ter em mente que a saída de som na parte inferior do aparelho pode ser facilmente obstruída com os dedos quando o usuário está jogando com a tela na horizontal.

O modelo não acompanha fones de ouvido na caixa e nem possui entrada P2, por isso pode ser interessante escolher um acessório TWS para acompanhar o telefone.

Veredito

O Samsung Galaxy M52 5G é a melhor compra da atualidade na faixa dos R$ 1.500, já que ele entrega uma boa experiência de uso em todos os quesitos que avaliei neste review, além de estar pronto para o 5G.

As câmeras fazem ótimas fotos, o desempenho é excelente até mesmo em jogos pesados, e a tela é um show à parte.

Apenas tenha em mente que acima dos R$ 1.700 ele começa a não fazer mais sentido, já que neste valor o Galaxy A52s 5G é uma alternativa mais completa, por trazer resistência à água, som estéreo e estabilização óptica na câmera principal.

Ou seja, pelo valor certo o M52 é só alegria, e por isso meu veredito é:

AProvadíssimo!

Ainda não conhece a escala memética de avaliação do Mobizoo? Então veja como fazemos nossas análises de celular.

O celular utilizado nesta análise foi comprado pelo Mobizoo.

Ficha técnica

Características

Sistema Android 11
Lançamento 28 outubro, 2021
Dimensões 164.2 X 76.4 X 7.4mm
Peso 173 g
Cores preto e branco
Biometria Leitor de impressão digital lateral, Reconhecimento facial
Construção Chassi de plástico, Traseira de plástico, Vidro Gorilla Glass na tela
À prova d'água

Tela

Tecnologia do painel Super AMOLED Plus, 120Hz
Tamanho 6,7 polegadas
Resolução Full HD+
Proporção 20:9

Hardware

Chipset Qualcomm Snapdragon 778G
Processador Octa core (máx. 2,4 GHz)
GPU Adreno 642L
RAM 6 GB
Armazenamento 128 GB
Entrada p/ microSD Sim

Câmeras

Principal 64 MP f/1.8
Ultrawide 12 MP f/2.2
Macro 5 MP f/2.4
Frontal 32 MP f/2.2
Gravação de vídeo 4K 30 fps

Conectividade

Dados móveis 5G
Dual chip
eSim
Wi-Fi Wi-Fi 802.11 a/b/g/n/ac dual band
Bluetooth 5.0, A2DP, LE
NFC
GPS A-GPS, GLONASS, GALILEO, BDS
Infravermelho
USB Tipo C 2.0 (com OTG)
Sensores Acelerômetro, Proximidade, Giroscópio, Bússola

Bateria

Capacidade 5000 mAh
Carregador 15W

Áudio

Alto falante Mono
Entrada P2 (3.5mm)
Rádio FM
Amplificador digital Dolby Atmos

Mais sobre: Samsung