Samsung Galaxy A01: o novo “basicão” da Samsung

A Samsung continua lançando vários smartphones para atualizar suas linhas, mesmo com os obstáculos impostos pela pandemia do coronavírus. Entre os lançamentos está o Samsung Galaxy A01, uma opção com ficha técnica bem simples, para quem procura um modelo para uso mais básico.

Apesar de ser um celular de entrada, o Galaxy A01 tem duas câmeras traseiras e design frontal moderno, com um pequeno notch em formato de gota, mas seus “diferenciais” acabam por aí. A crise financeira e aumento do dólar fizeram com que seu preço esteja um pouco acima do esperado, por isso os consumidores estão se perguntando se ele realmente vale a pena.

Confira mais detalhes do Samsung Galaxy A01 a seguir.

Vá direto para:

Samsung Galaxy A01: ficha técnica, preço e avaliação - Mobizoo

A proposta do Galaxy A01 é ser o mais novo modelo de entrada da Samsung, chegando para substituir o Galaxy A10, que por sua vez deu fim a linha J.

A empresa apostou em um design bem básico para ele, com construção em plástico e cores “lisas”, sem nenhum tipo de detalhe em sua traseira.

Na parte frontal, a tela com poucas bordas e um notch em formato “gota” dão um aspecto mais moderno para o aparelho, mas isso não é um diferencial, já que muitos dos lançamentos recentes estão adotando essa estratégia.

Por falar em tela, a sua tem 5,7 polegadas. É um tamanho bem pequeno considerando o que estamos acostumados a ver em lançamentos mais recentes, mas é bom para pessoas que estão entrando no mundo dos smartphones e ainda não se acostumaram com os grandões. A resolução dela é HD+ e o painel é PLS TFT, uma opção bem básica para reduzir os custos de produção.

Seu processador é um Snapdragon 439, modelo octa-core que alcança um clock de até 1,9 GHz. É uma opção que entrega um bom desempenho em tarefas básicas como navegação na internet, uso de redes sociais e aplicativos mensageiros, mas se o usuário tentar ir além disso, pode se deparar com alguns travamentos, já que ele possui apenas 2 GB de memória RAM. Seu armazenamento interno é de 32 Gb, mas pode ser expandido via cartão de memória.

As câmeras são bem básicas, então não espere nenhum resultado além disso. A principal tem 13 MP e foco automático, enquanto a segunda é de 2 MP e serve apenas como sensor de profundidade, para realizar o efeito do modo retrato. Na parte frontal, ele tem um sensor de 5 MP para selfies.

A bateria do Galaxy A01 é de 3.000 mAh, e talvez essa tenha sido uma decepção no aparelho, pois mesmo em modelos simples a própria Samsung, já é possível encontrar capacidades de 4.000 mAh.

Para finalizar o conjunto, temos bluetooth 4.2 e conexão 4G, mas infelizmente, nenhum leitor de digitais.

Ficha técnica

  • Modelo: SM-A015M/DS;
  • Android 10 com One UI 2;
  • Tela LCD TFT de 5,7 polegadas HD+ (720 x 1520);
  • Chipset Snapdragon 439 (12 nm) octa-core 1.95 GHz;
  • GPU Adreno 505;
  • 2 GB de memória RAM;
  • 32 GB de armazenamento interno, expansível com micro SD;
  • Câmera traseira dupla:
    13 MP wide f/2.2 com autofoco;
    2 MP sensor de profundidade f/2.4;
  • Câmera frontal de 5 MP f/2.2;
  • Gravação de vídeo Full HD a 30 fps;
  • Bluetooth 4.2;
  • A-GPS, Glonass, Galileo e BDS;
  • Micro USB 2.0;
  • Sensores: acelerômetro, proximidade;
  • Bateria de 3.000 mAh.
Galaxy 01

Avaliação

Prós

  • Pequeno e fácil de segurar;
  • Aceita dois chips;
  • Aceita cartão de memória;
  • Já chega com Android 10 de fábrica.

Contras

  • Preço alto para um celular tão básico;
  • Bateria poderia ser maior;
  • Ainda possui Micro USB;
  • Não tem leitor de digitais.

Pontuação no Antutu

Samsung Galaxy A01: Antutu

Preço

O Galaxy A01 foi lançado por R$ 899, mas já pode ser encontrado por R$ 799 parcelado. O preço que é um pouco alto se pensarmos que o Moto G7 Play custava R$ 600 no ano passado, e era superior em tudo.

Por apenas mais R$ 100 no seu orçamento, você pode optar pelo K50S, um modelo da LG que tem câmera tripla, leitor de digitais, tela maior e bateria com mais capacidade.

O momento é difícil para todas as marcas equilibrarem custo e benefício, mas realmente, fica complicado defender um modelo tão “capado” em pleno 2020. Qual o ponto desse lançamento Samsung?

O que você achou do novo Samsung Galaxy A01? Conte aí nos comentários!

Mais sobre: Samsung