Quantum Fly acerta em cheio trazendo potência com preço justo

É bonito de ver quando uma empresa (especialmente por ser nacional) se esforça para oferecer um produto de qualidade, por um preço justo para seus clientes. E é nisso que o Quantum Fly – primeiro smartphone top de linha 100% nacional – acerta em cheio.

Por apenas R$ 1.299 à vista, o novo celular da Quantum segue a risca a máxima da empresa de “ser uma compra inteligente”, oferecendo experiência top com custo de intermediário. Bora ver os detalhes?

quantum fly

Esse foi um ano difícil pro mercado mobile no Brasil: foram lançados muitos aparelhos fracos com preços acima do aceitável para suas configurações, e muitos tops chegaram por aqui com alguma coisa faltando (né, dona LG?).

Por isso esse lançamento da Quantum tem um gostinho especial. É o gostinho de preocupação com o que o consumidor espera de um dispositivo em que ele irá investir um dinheirão, em plena crise.

Enquanto Galaxy A5 e Moto G 4 em pleno 2016 não saem do combo 2 GB de RAM + 16 GB de armazenamento, o Quantum Fly incorpora na mesma faixa de preço um hardware muito atualizado, trazendo o poderoso chipset Helio X20 de dez núcleos (Deca Core) da MediaTek, 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento. Tudo isso num belo corpinho de metal.

quantum fly cinza

Veja agora todos os recursos do novo aparelho:

Especificações

  • Android 6;
  • 4G (1 micro sim + 1 nano sim);
  • Tela IPS Full HD de 5.5 polegadas;
  • Processador MediaTek Helio X20 Deca Core 2.1 GHz;
  • Vidro Gorilla Glass 3 (2.5D – cantos curvos);
  • 3 GB de RAM;
  • Mali T880 MP4;
  • 32 GB de armazenamento interno + entrada para micro SD até 128 GB;
  • Câmera traseira de 16 MP (com interpolação até 24 MP), f/2.0, HDR, flash, autofoco;
  • Câmera frontal de 8 MP, f/2.2 com flash;
  • Gravação de vídeo Full HD;
  • Bluetooth 4.1 LE;
  • Leitor de impressão digital;
  • A-GPS;
  • Rádio FM;
  • Sensores de proximidade, luz e acelerômetro;
  • USB Host (OTG);
  • Bateria de 3000 mAh.

O pessoal do site Tudo para homens publicou um vídeo bacana onde e possível conferir as primeiras impressões do aparelho. Dá uma olhada:

Outro detalhe que achei super acertado no Quantum Fly foi o tamanho de sua tela. Ao invés de seguir a “boiada” e aplicar uma tela de 5.5 polegadas no aparelho, a Quantum decidiu por um tamanho um cadinho menor (5.2″), oferecendo maior conforto mesmo para quem usar o aparelho com uma mão só.

Eu lembro que no ano passado eu passei um tempo usando um Moto X 2014 (que tem tela de 5.2″), e era bem mais fácil alcançar todos os cantos da tela com o polegar nesse modelo do que no Lenovo Vibe A7010, que tem tela de 5.5″.

São esses pequenos detalhes, precificação correta e boa experiência de uso que fazem um aparelho ter sucesso. Agora vamos aguardar os reviews para ver se ele irá cumprir o que promete.