Notícias

Nova medida promove o bloqueio de celulares roubados usando o seu número de linha

Anunciado nesta última terça feira dia 8, a Anatel – Agencia Nacional de Telecomunicações – aprovou uma nova medida que entra em vigor visando facilitar o bloqueio de aparelhos celulares roubados.

ladrao-celular-mobizoo

Como o bloqueio funciona?

A medida se dará a partir do bloqueio do aparelho através do número de linha cadastrado, não mais utilizando o IMEI – International Mobile Equipment Identity, o ID do seu aparelho – ou seja, se o seu aparelho for roubado ou perdido, você poderá ligar para a sua operadora e solicitar o bloqueio utilizando o seu número do chip.

Outra alternativa, para alguns estados brasileiros funcionará o bloqueio dos aparelhos nas unidades da polícia civil. Esta medida já está em funcionamento em alguns estados brasileiros: Bahia, Ceará e Espírito Santo, e como anunciado pela agência, mais estados entrarão nesta lista.

O que essa nova medida mudou?

Antes, para realizar o bloqueio dos aparelhos celulares furtados o proprietário deveria entrar em contato com a operadora e informar o numero de IMEI, o que para muitos era um transtorno, já que o número consta no aparelho – que foi roubado – e na caixinha ou documentação – o que muitos não guardam.

Além disso, sabemos que os serviços de telemarketing das operadores de celulares não funcionam lá essas coisas no Brasil, e isso significa ficar um bom tempo pendurado no telefone aguardando a solução.

Como funciona o bloqueio com o número de telefone?

Você poderá bloquear a linha que estiver em seu nome, se o aparelho roubado estiver utilizando um chip que não estava cadastrado com o seu cpf, você não conseguirá realizar o bloqueio.

Para isso, você deverá entrar em contato com a operadora da sua linha telefônica, informar o furto e confirmar os dados. Com o seu número de telefone informado – ainda que o ladrão tenha retirado o seu chip do aparelho – a operadora conseguirá realizar o bloqueio.

Isso é possível, pois, o IMEI funciona como um ID do seu aparelho, quando você utiliza seu chip ativo em um dado celular, a operadora recebe em seu banco de dados essa relação entre a sua linha e o IMEI do aparelho, e isso fica registrado, tornando possível essa medida.

Infelizmente, existem meios ilegais para burlar o IMEI dos aparelhos roubados.

A CEMI sistema coordenado pela Anatel em parceria com as prestadoras de serviços telefônicos, já registrou cerva de 6,5 milhões de celulares bloqueados. O número é imenso!

A nova medida implementada pela Anatel pretende facilitar o serviço para o proprietário do aparelho furtado, ao passo que, diminua a estatística do comércio de aparelhos furtados.

16090309664137

Para consultar o seu número de IMEI

Quando você adquire um celular de segunda mão é importante pesquisar se o mesmo não possui o IMEI bloqueado – o que indicaria um celular adquirido por meio do furto- para isso basta digitar no seu celular *#06#.

Com o número de IMEI – 15 dígitos –  você poderá entrar no site da Anatel e pesquisar a procedência do mesmo.

O que você acha da nova medida? Compartilhe conosco a sua opinião.