Notícias

Entenda como será o retorno da Nokia em 2017

Já faz um tempo que circula o rumor de um retorno da Nokia ao mercado de smartphones, só que agora o rumor se tornou fato: a finlandesa irá realmente lançar celulares Android em 2017, mas de um jeito bem diferente.

Na verdade a Nokia que irá retornar não é mais a mesma de antigamente. A valiosa e icônica marca será apenas utilizada por outra empresa finlandesa – a HMD Global, que será quem de fato irá produzir os novos aparelhos.

Vamos entender melhor essa história a seguir, e refletir se este retorno faz algum sentido no momento atual que o mercado vive.

retorno da nokia
Imagens vazadas dão pistas sobre o design do primeiro modelo de smartphone Android do retorno da Nokia.

Como chegamos aqui?

Bom, vamos primeiro fazer um resumo dos acontecimentos.

Como vocês sabem, a divisão de celulares da Nokia foi vendida para a Microsoft há alguns anos atrás, e isso não deu muito certo, já que o Windows Phone foi incapaz de concorrer de igual para igual com Android e iOS.

O pedaço que restou da Nokia continuou atuando no ramo de telecom, e a Microsoft matou de vez a produção de smartphones na fábricas que herdou da finlandesa, vendendo tudo no início deste ano.

Ou seja, não existem mais fábricas da Nokia para produção de celulares.

Que saudade do meu Nokia Lumia 820.
Que saudade do meu Nokia Lumia 820.

Eis que surge a HMD Global na história

Ainda este ano, uma outra empresa finlandesa de tecnologia, a HMD Global, resolveu ressuscitar os celulares Nokia, e para isso comprou os direitos de utilização da marca por 10 anos.

Para fabricar e distribuir os novos aparelhos globalmente, a empresa irá investir mais de 500 milhões de dólares nos próximos três anos, e irá contar com as gigantescas fábricas da Foxconn espalhadas pelo mundo (que também fabricam iPhones e outros aparelhos famosos).

A boa notícia para os fãs nostálgicos é que a HMD Global é comandada por alguns veteranos da antiga Nokia.

Será que vai dar certo?

Segundo o CEO da HMD, Arto Nummela, a nova Nokia será extremamente competitiva em relação à especificações e preços, e terá design facilmente reconhecível entre os smartphones atuais.

Os primeiros aparelhos desta nova era Nokia deverão ser lançados na Mobile World Congress – em fevereiro de 2017, e atacarão diferentes categorias (do basicão ao premium).

Tudo muito lindo, porém há algumas reflexões que precisam ser feitas.

nokia-is-back

O mercado global de smartphones sofre com uma desaceleração natural, depois de anos de crescimento, nos países mais ricos. E isso desde 2015.

Nos países emergentes ainda há espaço para crescimento, especialmente quando falamos de aparelhos intermediários. Porém ele já vem sendo aproveitado pelas novas potências chinesas, entre elas Lenovo, Xiaomi, UMi e Meizu.

Samsung e Apple, mesmo com seus problemas recentes continuam dominando o mercado premium, e marcas grandes, como Sony e LG, sofrem para lucrar com seus smartphones.

Resumindo: para fazer sucesso, a nova Nokia terá que encontrar um verdadeiro oásis no meio dessa guerra, e abocanhá-lo com muita eficiência. Mas principalmente, deverá que ser humilde, pois bater de frente com os gigantes não me parece uma opção inteligente.

E você, o que está achando desse retorno? Deixe suas opiniões aí nos comentários!